Brasil



Sexta-Feira, 31 de Outubro de 2014
Tamanho do texto:
  • Aumentar Texto
  • Texto Normal
  • Diminuir Texto
Home Ensino Técnico Área - Infraestrutura Técnico em Agrimensura

Técnico em Agrimensura

Técnico em Agrimensura

Coordenador: Profº Lourenço Bechara - e-mail: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.
 
 
1. APRESENTAÇÃO

 

Anecessidade humana de demarcar seus espaços já remonta desde o início da civilização. Até mesmo os animais irracionais sentem a necessidade de ter seu território demarcado para evitar a disputa por espaço para caça e procriação. Exatamente por isso, eles passam seu odor para a vegetação, informando a outros da mesma espécie que aquele território lhe pertence.

A Agrimensura acompanha o homem desde o Antigo Egito, quando era utilizada para medir as áreas agrícolas nas margens do Nilo. Desde então a Agrimensura vem sofrendo modificações e ajustes para mostrar, com a maior precisão possível, os espaços ocupados pelo homem. Na década de 1980, houve grandes modificações com o uso da informática e a expansão da Geodésia celeste. Essas modificações aprimoraram-se ainda mais com a introdução de equipamentos de alta tecnologia, causando uma verdadeira revolução na maneira de coletar e processar os dados de campo, bem como na confecção de mapas. Isso não inviabilizou a profissão do Técnico em Agrimensura, mas pelo contrário, contribuiu para acelerar os trabalhos, obtendo-se maior precisão com menor esforço. A Agrimensura é paradoxal, portanto: uma ciência antiga e ao mesmo tempo moderna.

No tocante à realidade local, a vasta extensão territorial da região amazônica implica em inúmeras oportunidades de trabalho para os profissionais de Agrimensura. Uma das iniciativas de maior envergadura no momento, não só na região, mas em todo o Brasil, é o Novo Programa de Reforma Agrária, criado pelo Governo Federal na tentativa de minimizar os conflitos entre proprietários de latifúndios e pequenos produtores rurais.

O Estado do Pará, em particular, é um dos estados com maior número de assentamentos rurais, algo em torno de 111.000 assentamentos. Esse número serve como amostra dos investimentos que devem ser feitos para esta regularização fundiária e dos benefícios diretos para os profissionais em Agrimensura, haja vista que a Constituição Federal designa o profissional em Agrimensura para exercer funções periciais em processos judiciais envolvendo conflitos agrários.

Por outro lado, deve-se considerar também que no Estado do Pará estão localizados grandes projetos minerais (Projeto Carajás, o Complexo ALBRAS/ALUNORTE, etc.) que sempre necessitam de profissionais de área de Agrimensura. Vale ressaltar também que a retomada das obras da Hidrelétrica de Tucuruí, com a construção de suas eclusas, já está refletindo positivamente no mercado de trabalho para os profissionais de Agrimensura. O Governo do Estado também contribui para o aumento da perspectiva de trabalho na área com a implantação de grandes projetos na área de transporte, com a perspectiva de duplicação da malha viária do Estado.

Outras perspectivas de frente de trabalho se abrem a nível municipal, comprovadas pela necessidade de abertura de novas ruas, estradas de rodagem, linhas de transmissão, sistemas de água e esgoto, construção de prédios públicos, locação de limites de propriedades, subdivisão de terras e levantamento de áreas.

 

2. OBJETIVOS

 

O Curso Técnico em Agrimensura tem por objetivos:

  1. Dar ao estudante competência no exercício de sua profissão, exercendo, de acordo com as exigências do mercado de trabalho, as tarefas, funções e atividades da profissão.

  2. Favorecer a integração do estudante à vida profissional, notadamente por um conhecimento do mercado de trabalho, além de um conhecimento do contexto particular da profissão escolhida.

  3. Favorecer a evolução do estudante e o aprofundamento dos saberes profissionais.

  4. Favorecer a mobilidade profissional.

 

3. PERFIL PROFISSIONAL

 

Para atingir os objetivos propostos pelo curso é necessário que, ao seu término, o estudante possa demonstrar o seguinte perfil de competências profissionais:

  • Aplicar as normas técnicas e a legislação trabalhista vigente.
  • Aplicar técnicas de higiene e segurança no trabalho.
  • Gerenciar um ambiente informático.
  • Desenhar e efetuar medidas em primitivas gráficas.
  • Analisar as características físicas de um território.
  • Efetuar levantamentos topográficos plani-altimétricos.
  • Efetuar cálculos e desenhos topográficos.
  • Coletar dados de imagens fotográficas e de sensores remotos.
  • Executar levantamentos cadastrais.
  • Aplicar as normas legais relativas à execução de serviços de registros de imóveis.
  • Executar levantamentos topográficos especiais.
  • Produzir e gerenciar documentos gráficos e alfanuméricos utilizando sistemas de informação geográfica.
  • Produzir desenhos em ambiente computacional.
  • Produzir documentos cartográficos.
  • Executar levantamentos geodésicos.
  • Locar obras civis e de sistemas de transporte.
  • Efetuar o georreferenciamento de áreas urbanas e rurais.

 

4. ORGANIZAÇÃO CURRICULAR

 Curso Técnico em Agrimensura

Módulo I
Disciplinas Carga Horária
Organização e Normas 40
Segurança e Higiene no Trabalho 40
Informática Aplicada a Geomática 80
Desenho Técnico aplicado à Geomática 60
Introdução às Geociências 80
Topografia I  100
TOTAL  400
Módulo II
Disciplinas Carga Horária
Desenho Topográfico 80
Introdução ao Sensoriamento Remoto 80
Cadastro Técnico 80
Legislação e Avaliação de Terras 80
Topografia II 80
TOTAL  400
Módulo III
Disciplinas Carga Horária
Introdução ao Geoprocessamento  40
Desenho assistido por computador  40
Cartografia  40
Geodésia  80
Traçado de Estradas  80
Levantamentos Eletrônicos  120
TOTAL  400
O Curso está composto de um total de 1440 horas
Estágio Supervisionado de 240 horas

 

 
Menu - CSS
Acesso à Informação
Resoluções CONSUP

Usuários Online

Nós temos 9 visitantes online

Links

Educação a Distância